Mês: janeiro 2017

Programa Goiânia Coleta Seletiva – PGCS

O Programa Goiânia Coleta Seletiva (PGCS) teve inicio em novembro de 2008, foi criado com objetivo de evitar que materiais recicláveis fossem para o aterro sanitário, podendo assim aumentar a vida útil deste, e ao mesmo tempo, beneficiar famílias em cooperativas de catadores.

Na primeira etapa de implantação, o recolhimento de material para Coleta Seletiva era realizado somente em dez grandes bairros geradores de resíduos (Bairro Jardim América, Setor Aeroporto, Setor Bueno, Setor Campinas, Setor Central, Setor Coimbra, Setor Marista, Setor Oeste, Setor Sul e Setor Leste Vila Nova), em pontos de entrega voluntário (os PEVs), e em grandes geradores do setor comercial.

Em 2009, houve o lançamento da Coleta Seletiva porta a porta. Essa implantação proporcionou à Goiânia a coleta de lixo domiciliar Seletivo pelo menos uma vez por semana, semelhante à coleta comum de lixo orgânico que já é realizada pela COMURG, e faz parte do planejamento do Programa para que toda a cidade conte com tal serviço. Atualmente 545 bairros da capital são contemplados.

Para participar da Coleta Seletiva é simples. A população deve fazer a segregação dos resíduos (papel, plástico, metal e vidro) em um único recipiente/saco e poderá deixar o seu material reciclável na porta de sua casa no inicio do horário indicado, para que o caminhão da COMURG colete e leve até as cooperativas de catadores. Ainda existem, espalhados por pontos estratégicos da Capital, os pontos de entrega voluntario – os PEVs – equipamentos destinados a receberem, alem de materiais recicláveis, pilhas e baterias.

Confira o dia e o horário que o caminhão da Coleta Seletiva passa através do link “Coleta nos Bairros” e o local dos PEVs no link “Saiba onde está o PEV mais próximo de você”.

Foto: https://unsplash.com/t/arts-culture

 

   Clique para ver
o folder

 

Saiba onde está o PEV mais
próximo de você

Coleta
nos bairros

Read Blog Detail

Programa Coleta Seletiva é ampliado em Goiânia com nova frota

Nova frota reforça preocupação com a qualidade e agilidade no serviço

O prefeito Iris Rezende entrega amanhã, 15, 16 novos caminhões para o Programa Coleta Seletiva, às 08h30, no Paço Municipal. A nova frota substituirá os atuais caminhões, cuja capacidade aumentará de 24 para 45 metros cúbicos cada, gerando um grande impulso no trabalho, que atualmente já é realizado em todos os bairros da Capital. No último mês de julho, a produção geral da coleta seletiva alcançou quase 3 mil toneladas.

Para o presidente da Companhia, Denes Pereira, os novos veículos reforçarão a qualidade da coleta seletiva em toda cidade, ‘além de atender sistematicamente as orientações do prefeito Iris Rezende que tem dado atenção especial ao programa pela sua importância na sustentabilidade do meio ambiente, uma vez que diminui a poluição dos solos e rios e gera renda para inúmeras famílias’.

O programa foi implantado em 2008, também na gestão do Prefeito Iris Rezende, mas foi em 2009 que a coleta ‘porta a porta’ foi implantada definitivamente, em todos os lares. O projeto evita que materiais recicláveis sejam levados para o aterro sanitário desnecessariamente, aumentando a sua vida útil, além de beneficiar famílias em cooperativas de catadores.

Para participar do projeto, a população deve fazer a segregação dos resíduos (papel, plástico, metal e vidro) em um único recipiente/saco e deixar o material reciclável na porta de sua casa, no horário e dia indicados. A lista com os bairros, dia e horário da Coleta Seletiva pode ser conferida no site da Prefeitura no link “Goiânia Coleta Seletiva”.

Márcia Tormim, da editoria de Urbanização

Foto: https://unsplash.com/t/arts-culture

 

Read Blog Detail

Lixo reciclável: Prefeitura cede áreas para cooperativas

Iniciativa é resultado de TAC firmado entre o Ministério Público e a Central de Cooperativas. Ao todo, o tamanho da área pública cedida pela administração municipal é de oito mil metros quadrados. Além das áreas, cooperativas também receberam projetos arquitetônicos para construção de galpões

A Prefeitura de Goiânia cedeu quatro áreas, que ao todo somam oito mil metros quadrados, para quatro cooperativas de catadores de materiais recicláveis, sendo três delas integrantes da Central das Cooperativas de Trabalho dos Catadores de Materiais Recicláveis Unidos Somos Mais Fortes (Uniforte), que integram o Programa Goiânia Coleta Seletiva. Nessas áreas cedidas pela administração municipal, as cooperativas vão construir galpões com recursos de um Termo de Ajuste de Conduta (TAC) entre as cooperativas e o Ministério Público do Estado de Goiás (MP-GO), por meio do titular da 15ª Promotoria de Justiça de Goiânia, Juliano Barros Araújo.

Além das áreas de dois mil metros quadrados cada, que estão localizadas nos setores Barra da Tijuca, Chácara Recreio São Joaquim, Residencial Senador Albino Boaventura e Santos Dumont, a Prefeitura de Goiânia também disponibilizou às cooperativas o projeto arquitetônico para construção de quatro galpões para triagem de resíduos recicláveis, que serão construídos com um recurso de R$ 4 milhões, oriundos de TAC entre o MP-GO e um hipermercado de Goiânia. “O projeto arquitetônico dos galpões está passando por todas as exigências dos licenciamentos e também com viés sustentável”, disse o membro do Grupo de Trabalho da Coletiva Seletiva em Goiânia, Guilherme Gasel.

Conforme Gasel, o auxilio às cooperativas contempla pontos que são estabelecidos na Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), que prevê a prevenção e a redução na geração de resíduos, tendo como proposta a prática de hábitos de consumo sustentável e um conjunto de instrumentos para propiciar o aumento da reciclagem e da reutilização dos resíduos sólidos. “As cooperativas exercem parte desse trabalho, gerando renda aos associados, contribuem com o meio, auxilia na diminuição do que vai para o Aterro Sanitário e também na quantidade de materiais que teriam a destinação incorreta, por isso o nosso apoio”, relatou.

As cooperativas contempladas com a área de mais de dois mil metros quadrados para construção de galpões são: a Cooperativa dos Catadores de Materiais Recicláveis Reciclamos e Amamos o Meio Ambiente (Cooper-Rama), localizada no Setor Chácara Recreio São Joaquim; a Cooperativa dos Catadores de Materiais Recicláveis Família Feliz (Cooperfami), do Setor Barra da Tijuca; Associação dos Catadores de Materiais Recicláveis Ordem e Progresso (Acop), situada no Residencial Senador Albino Boaventura; ligadas à Uniforte. Além dessas, a Cooperativa de Trabalho dos Catadores de Materiais Recicláveis Fênix Carrossel, do Setor Santos Dumont também é beneficiada.

No ato da assinatura do TAC com o MP-GO, a presidente da Uniforte, Dulce Helena do Vale, disse que a disponibilização dos recursos das áreas e do projeto arquitetônico é o pontapé inicial para a melhor estruturação das cooperativas de catadores de Goiânia. “É uma vitória para os catadores, pois teremos galpões bem estruturados e totalmente equipados, o que possibilitará não somente melhores condições de trabalho, como trará visibilidade ao catador e possibilidade de mais parcerias”, afirmou.

Programa Coleta Seletiva
Criado em 2008 pelo prefeito Iris Rezende, o Programa Goiânia Coleta Seletiva tem como objetivo evitar que materiais recicláveis sejam direcionados ao Aterro Sanitário, o que auxilia no aumento da vida útil do local e, ao mesmo tempo, beneficia famílias das cooperativas de catadores. Para participar do programa, a população deve fazer a segregação dos resíduos (papel, plástico, metal e vidro) em um único recipiente, para a realização da coleta por parte da Companhia de Urbanização de Goiânia (Comurg) e o envio às cooperativas. Os dias e horários da coleta estão disponíveis no site da Prefeitura de Goiânia.

Mauro Júnio, da Diretoria de Jornalismo
Foto: https://unsplash.com/t/arts-culture

 

Read Blog Detail
Vista traseira de 3 caminhões da Coleta Seletiva de Goiânia

18/02/10 – Prefeitura lança coleta seletiva diária

O Prefeito Iris Rezende lança amanhã, sexta-feira (19), às 8 horas, no Parque Vaca Brava, um pacote de reajustes ao Programa de Coleta Seletiva de Goiânia. Oito circuitos áreas verticais da cidade (prédios) terão o recolhimento do material reciclável feitos diariamente e em dois períodos: noturno e diurno. A mudança abrange os setores: Central, Oeste, Aeroporto, Sul, Marista, Bueno, Universitário e Campinas/Coimbra.

A Prefeitura também redimensionou a frota de veículos com aumento de 100%; todos os caminhões passam a ter monitoramento via satélite, o que permitirá total controle do serviço; 100% de cobertura em toda a cidade, com realização de coleta no mínimo uma vez por semana; instalação de lixeiras exclusivas para material reciclável nas principais ruas e avenidas comerciais; oito caminhões para coleta extraordinária para condomínios horizontais e verticais e em áreas descentralizadas, shoppings e outros grandes geradores.

Além dessas mudanças o Programa de Coleta Seletiva vem promovendo desde sua implantação em abril de 2008, quando começou a funcionar experimentalmente, vários outros benefícios, como inclusão social de um número cada vez maior de catadores de papéis em cooperativas, e aumento da vida útil do aterro sanitário.

Para o Presidente da Comurg, Wagner Siqueira, o projeto de coleta seletiva de Goiânia, que sem dúvida é o maior do Brasil, consolida a Cidade como referência em preservação, recuperação e implantação de uma nova consciência ambiental, com a criação de parques, praças, arborização e manejo correto de seu lixo. “A adesão da população ao projeto foi tão grande que nos obrigou a ampliar o serviço, lançando a coleta diária na região onde se situam os maiores geradores”. Conclui Siqueira.

Mais informações no site da Prefeitura: www.goiania.go.gov.br ou www.comurg.goiania.go.gov.br

Amma

A Agência Municipal do Meio Ambiente (Amma) participará do evento levando o programa Plante a Vida, com distribuição gratuita de mudas nativas do Cerrado. Ainda na programação da agência, a exposição de produtos confeccionados com o material recolhido pela Coleta Seletiva, transformando lixo em artigos reutilizáveis.

Serviço:
Assunto: Prefeito Iris lança pacote de reajustes ao Programa de Coleta Seletiva.
Data: 19 de fevereiro, sexta-feira
Horário: 8 horas
Local: Parque Vaca Brava, setor Bueno
Contato: Superintendência de Comunicação da Comurg – Fones 3524-8573 ou 8417-6529
Reportagem: João de Oliveira

Foto: https://unsplash.com/t/arts-culture

Read Blog Detail