Compõe o Programa Goiânia Coleta Seletiva, os vários projetos e ações da Prefeitura de Goiânia que visam a não geração, redução, a reutilização e a reciclagem de resíduos sólidos.

EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA COLETA SELETIVA

O projeto Educação Ambiental para Coleta Seletiva realizado pela Agência Municipal do Meio Ambiente (AMMA) nas Escolas da rede Pública e Privada de Ensino do Município de Goiânia tem como finalidade promover a educação ambiental, mobilização social em todos os níveis de ensino e o engajamento da sociedade na conservação, recuperação e melhoria do meio ambiente, implementando conjuntamente as ações previstas no Programa Municipal de Educação Ambiental estabelecido pela Política Nacional de Resíduos Sólidos – PNRS – Lei 12.305 de 2010, o Plano Municipal de Gerenciamento Integrado de Resíduos Sólidos – PMGIRS, bem como, a Lei 9.795/99 que institui a Política Nacional de Educação Ambiental – PNEA. Nesse sentido as escolas recebem orientação sobre a importância da separação, descarte e destinação final adequada dos resíduos sólidos urbanos (RSU) produzidos por elas, incluindo a questão socioambiental e a cultura da sustentabilidade através da prática dos 5 Rs (Reciclar, Reutilizar, Reduzir, Recusar e Repensar).

Agendamentos: 3524-1498

CATA TRECO

CATA TRECO foi implantando no município de Goiânia, em 2011, e faz parte do Programa Goiânia Coleta Seletiva que tem por objetivo oferecer a população, de forma, gratuita, mediante agendamento, o descarte de itens reutilizáveis como: móveis, eletrodomésticos e eletrônicos.

O intuito é evitar que estes objetos sejam descartados de forma irregular nas vias públicas, praças, canteiros centrais, lotes baldios e margens de córregos, gerando inúmeros transtornos como poluição do ambiente e proliferação do mosquito Aedes aegypti. Este material recolhido é repassado às cooperativas que fazem parte do Programa Goiânia Coleta Seletiva, beneficiando diversas famílias. Os rejeitos são encaminhados para o Aterro Sanitário.

Para agendar o recolhimento dos materiais na sua residência, ligue para:

Informações: 3524-8555 / 3524-2413

Whatsapp: 98596-8555

ECOPONTO de RCC

O ecoponto é um equipamento público urbano construído para a destinação de resíduos sólidos de pequenos geradores de Goiânia, cuja responsabilidade seja do Poder Público em prover meios para que a população encaminhe de forma ambientalmente adequada seus resíduos provenientes da construção civil e outros compatíveis com esta estrutura.

O primeiro ecoponto está localizado no Jardim Guanabara, inaugurado dia 5 de maio de 2018 pela Comurg.

Endereço: Rua GB5 com GB6, no Jardim Guanabara II

Horário de funcionamento: das 7:00 às 19:00
Informações: 3524-8543 / 8573

Fique atento aos tipos de materiais que podem ser encaminhados para o ecoponto.

Centrais de Triagem das Cooperativas

Acrescentar texto.

Pólo de Reciclagem e de Lavanderias

Foram criadas pela Lei 246/2013, lei que alterou o Plano Diretor de Goiânia, as Áreas de Segurança e Proteção (ASP) numa faixa de 500 metros ao redor do Aterro Sanitário de Goiânia. O projeto de Lei 3/2018 visa instituir nesta faixa o Pólo de Reciclagem de Resíduos Sólidos e Resíduos da Construção Civil e de Lavanderias Industriais e Hospitalares, preservando assim o meio ambiente e a saúde pública, com o intuito de:

  • dar destinação final ambientalmente adequada para todos os resíduos sólidos do município;
  • desviar resíduos recuperáveis do aterro para outras estruturas;
  • recuperar ambientalmente o aterro sanitário;
  • estimular o reaproveitamento do bioás e demais recursos;
  • valorizar o trabalho das cooperativas de catadores de materiais recicláveis;
  • promover o desenvolvimento econômico da cadeia da reciclagem;
  • dentre outros.

Veja Lei 246/2013 aqui.

Veja Projeto de Lei 003/2018 aqui.